Mudanças de gravadora e investimentos em mercado kids marcam carreira de Amanda Ferrari

Se considerarmos que o seu primeiro CD (Manifesta tua Glória) foi lançado em 1999, podemos considerar a cantora gospel Amanda Ferrari uma veterana neste segmento. Também compositora, Amanda conseguiu alavancar diversos sucessos ao longo de sua carreira, sendo indicada inclusive ao Troféu Promessas como Revelação e Melhor CD Pentecostal.

Como a maioria dos artistas que alcançaram o reconhecimento em seu meio de atuação, Amanda Ferrari também teve os seus altos e baixos. Logo no começo de sua carreira, por exemplo, ela conseguiu uma boa repercussão com o seu primeiro CD que citamos acima, porém o mesmo não aconteceu em sua segunda empreitada no mercado fonográfico com o álbum Ao que Vencer. Mas, ao contrário do que você possa pensar, nesta ocasião, não significa que a artista tenha colecionado críticas, mas sim não conseguiu a mesma visibilidade que havia alcançado com o trabalho anterior.

amanda-ferrari

Após esse período um pouco mais tranquilo em sua carreira, Amanda Ferrari passou a se dedicar então ao seu próximo trabalho, que seria lançado três anos após o anterior. O novo disco recebeu o nome de Lutando e Vencendo e foi um dos marcos na carreira da artista. Com esse trabalho ela conseguiu um grande destaque, tanto por parte de seus fãs e ouvintes, assim como da mídia especializada e outras instituições ligadas à música evangélica gospel.

Tendo como um dos destaques, as músicas Quando Ele quer e Ele veio, a artista conquistou um importante e até então inédito disco de ouro. O sucesso do trabalho também teve reflexo direto nos convites para novos trabalhos e apresentações e Amanda Ferrari se tornou uma das cantoras do segmento mais convidadas para shows em igrejas e participações em diferentes eventos do gênero.
No ano de 2007 foi a vez de Amanda lançar o seu novo disco, Avivamento, que teve em sua carreira um papel de firmar o sucesso da artista e ainda conseguir fazer com que ela conquistasse ainda mais espaço e público.

Os anos da mudança

Com planos de mudanças para a sua carreira, Amanda Ferrari assina com a Praise Records, empresa que entre os anos de 2009 e 2011 foi responsável por dois de seus lançamentos. O primeiro dele, o disco “O Espetáculo de Deus”, voltado ao mesmo mercado que já atuava anteriormente, porém dois anos depois, Amanda se arrisca e lança seu primeiro trabalho voltado para crianças “CD For Kids – Volume 1”.

Focada e já consolidada como um dos grandes nomes da música gospel, não demorou para Amanda conseguir um novo disco de ouro, que chegou para coroar o grande boom de sua carreira em 2011, com o CD “Eu Vejo Deus”, que conta com uma série de sucessos como a música que dá nome ao trabalho, além de “A Virada” e “O Relógio de Deus”.

Ainda na Praise Records, a artista lança o álbum “Eu nem sonhava” em 2012, que não obteve tanto sucesso quanto ao trabalho anterior e ainda foi alvo de críticas por parte do público.

AF Music

Mais uma vez Amanda troca de gravadora e a escolhida da vez é a AF Music, para onde foi em 2013, lançando o CD “Sobreviventes”, outro sucesso enorme em sua trajetória e no qual ela conquistou mais um disco de ouro.

Comente!